Fanfics
Seja bem vindo(a) ao Fórum Fanfiction.
Aqui você pode ler, escrever, comentar, jogar, fazer amigos e muito mais!
Então... o que está esperando? Se cadastre e comece a diversão! Very Happy

A História Que L.J.Smith Não Contou

Página 5 de 5 Anterior  1, 2, 3, 4, 5

Ir em baixo

Re: A História Que L.J.Smith Não Contou

Mensagem por JuhSalvatore em Sex Nov 11, 2011 8:29 pm

ahhh ameiiiii
mto perfeito, todo mundo se apaixonando!
ah, e essa foto no final?
eu amoooo ela! é meu wallpaper do netbook e meu background do twitter.
simplesmente perfeito Julie!
quando tem mais?
avatar
JuhSalvatore

Mensagens : 2809
Pontos : 7374
Data de inscrição : 23/07/2011
Idade : 22
Localização : Aqui com os Winchester

http://twitter.com/HunterOfTheSPN

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A História Que L.J.Smith Não Contou

Mensagem por Dawn em Sab Nov 12, 2011 2:11 pm

Acho que de todas as fics que eu ja li, essa eh minha favorita! ownn

_________________

Regras e Informações & Tutoriais e Dicas

"And if I claim to be a wise man, well, it surely means that I don't know"
avatar
Dawn
Admin

Mensagens : 1897
Pontos : 7372
Data de inscrição : 11/07/2011
Localização : Mystic falls U.U

http://salvatoreh.tumblr.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A História Que L.J.Smith Não Contou

Mensagem por JulieAlbano em Dom Nov 13, 2011 8:07 am

JuhSalvatore escreveu:ahhh ameiiiii
mto perfeito, todo mundo se apaixonando!
ah, e essa foto no final?
eu amoooo ela! é meu wallpaper do netbook e meu background do twitter.
simplesmente perfeito Julie!
quando tem mais?

Oun' Eu tb amo amo essa foto!
Que bom que você gostou eu adoro esse clima, pena que na fic eu não os deixo durar muito
huashusauhashsa, mas vou postar agorinha! Very Happy
avatar
JulieAlbano

Mensagens : 231
Pontos : 3037
Data de inscrição : 15/07/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A História Que L.J.Smith Não Contou

Mensagem por JulieAlbano em Dom Nov 13, 2011 8:11 am

Dawn escreveu:Acho que de todas as fics que eu ja li, essa eh minha favorita! ownn

ownn Sério tia?! Eu não fazia idéia de que a senhora
gostava tanto assim Muito animado

Poxa.. Favorita?! Não fala essas coisas que eu me emociono choro ownn
Eu vou começar dia 23 desse mês tipo uma continuação dessa fic no outro fórum,
na verdade verdade serão coisas que eu não contei aqui...
Espero que acompanhe e goste muito tb ownn

http://diariosdovampiro.forumeiros.com/t1561-um-pouco-mais-que-amigos-por-juliealbano-nanda-cyrus
avatar
JulieAlbano

Mensagens : 231
Pontos : 3037
Data de inscrição : 15/07/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A História Que L.J.Smith Não Contou

Mensagem por JulieAlbano em Dom Nov 13, 2011 8:13 am

Capítulo XXII - Ressaca Pós-Festa

27 de agosto de 1863
Depois de uma festa de aniversário, como de costume Lana foi dormir na casa de Patrizia, sua melhor amiga.
As moças viraram a noite conversando sobre a festa, a senhorita Lockwood não conseguia parar de falar no seu herói da noite passada, e a senhorita Fell também não parava de falar no senhor Johnson, mas é claro não dava o braço a torcer.
Elas foram acordadas com uma linda surpresa, quando uma empregada bateu na porta do quarto:
- Senhoritas, acordem, dois entregadores deixaram presentes para vocês.
Bem animadas e curiosas as moças se arrumaram e desceram. O presente deixado pelo primeiro entregador foi um caixa de bombons com um cartão para Lana, o segundo foi um buquê de rosas vermelhas com um cartão para Patrizia.

"Ontem éramos três; eu, você e a felicidade. Hoje somos dois; eu e a saudade."
Agora tenho um novo motivo para respirar, vê-la outra vez, só sinto pelas flores que são humilhadas diante ti.
Com carinho,
Liandro


"Antes de ferir um coração lembre-se que você pode estar dentro dele!"
Espero que estes bombons sejam tão doces quanto imagino que sejam seus lábios.
Eternamente seu,
Stuart


Enquanto Patrizia suspirava pelo seu bilhete, Lana ruborizava com o seu. Essa manhã que começava foi realmente muito agradável na mansão Lockwood, mas temo que não foi assim em toda a Mystic Falls.

Giuliana acordou assustada com gritos e berros que vinham do térreo da Mansão Salvatore, ela nem se vestiu direito, cobriu-se vestindo um roupão sobre a camisola que usava e foi ver o que era toda aquela confusão.
A cena foi muito surpreendente e impactante, Giuliana apenas observava escondida atrás de uma porta, sem acreditar no que via.
Jonathan Gilbert estava perseguindo pela casa Francesco, que vestia apenas ceroulas, com um revólver. Todos na casa tentavam impedir o pai de Camille, mas tudo o que o homem fazia era gritar:
- Esse vagabundo desonrou minha filha! Eu vou te matar!
O Gilbert fazia de tudo para colocar o rapaz em sua mira, mas ele se esquivava. Nessa época a sociedade aceitava limpar o nome de uma família com sangue. Não tem vergonha pior para um pai perceber que a filha não dormiu em casa e encontrá-la seminua na cama de um sujeito.
As mulheres choravam, os homens tentavam apartar. E finalmente quando o homem conseguiu colocar o irmão de Giuliana em sua mira Camille agarrou o braço do pai que segurava a arma para defender seu amante, na angústia do momento Jonathan atirou sem querer no teto e empurrou a filha que caiu no chão, o rapazote conseguiu escapar de sua mira.
- Eu vou acabar com você! Dizia o Senhor Gilbert
Francesco correu o quanto podia e a confusão foi se parar no jardim da casa, agora todos estavam armados, Giuseppe, Liandro, Marco, Damon, Alonzo, alguns empregados e até Stefan portava uma pequena arma. Mesmo tendo um pouco de razão em estar com raiva a situação não estava favorável para Jonathan.
Agora com o rapaz em sua mira ele estava pronto para atirar, mas pestanejou ao ouvir uma ameaça do pai de Francesco:
- Companheiro, entendo que queira se vingar de meu filho o que ele fez não foi certo, mas se machucá-lo tenho obrigação de pai em matá-lo. Disse Alonzo tentando persuadir o Gilbert descontrolado.
- Antes morto com a honra lavada do que vivo com a vergonha estampada. Disse Jonathan decidido a atirar.
Foi nesse instante que Camille colocou seu corpo na frente da pistola:
- Não o mate, eu o amo. Não sou uma mocinha indefesa, ele não me forçou a nada!
Vendo aquilo Jonathan desistiu, abaixou o revólver e cuspiu em Camille:
- Eu não tenho mais filha! Disse ele se retirando e voltando para a cidade.
Os apaixonados se abraçaram, não tinha mais volta. Camille não tinha mais para onde ir, estava totalmente entregue a Francesco.
Camille começou a chorar nos braços do amante, então ele disse:
- Não se preocupe meu amor, vou cuidar de você, nós logo iremos para a Itália, construiremos nossa família com muitos filhos, vou te fazer muito feliz e em breve você esquecerá toda essa humilhação. Disse Francesco dedilhando o cabelo da amada.
Essa com certeza não era uma cena comum para a doce Giuliana e nem para a sonsa e pacata Mystic Falls, que mesmo tendo segredos tão obscuros escondidos fingiu por anos ficar abismada com aquele incidente.
avatar
JulieAlbano

Mensagens : 231
Pontos : 3037
Data de inscrição : 15/07/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A História Que L.J.Smith Não Contou

Mensagem por JulieAlbano em Qui Nov 24, 2011 7:32 am

Sleep
avatar
JulieAlbano

Mensagens : 231
Pontos : 3037
Data de inscrição : 15/07/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A História Que L.J.Smith Não Contou

Mensagem por JuhSalvatore em Qui Nov 24, 2011 6:05 pm

amoooor, mals, eu não ví que vc tinha postadoooo!
noossa, me desculpa mesmo!
mas tá perfeito demais!
as meninas amaram os cartões e os presentes...

em compensação, a confusão foi total!
quaase que dá morte... medoo!
e a Giuliana vendo tudo, sem poder fazer nada, coitada.
mas ainda bem que não aconteceu nada de pior!

perfeito de novo Julie!
quando tem mais? prometo não me atrasar para o próximo.
bjooos.
avatar
JuhSalvatore

Mensagens : 2809
Pontos : 7374
Data de inscrição : 23/07/2011
Idade : 22
Localização : Aqui com os Winchester

http://twitter.com/HunterOfTheSPN

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A História Que L.J.Smith Não Contou

Mensagem por Chiie em Sex Nov 25, 2011 10:31 am

Amei todos os caps (:
eu não aguentei a curiosidade e fui olhar no outro forum e amei ainda mais.
voc vai posta a cnt da história aqui também??

avatar
Chiie

Mensagens : 248
Pontos : 3050
Data de inscrição : 18/07/2011
Localização : New Orleans

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A História Que L.J.Smith Não Contou

Mensagem por JulieAlbano em Seg Dez 12, 2011 8:34 am

Juh & Chiie

Aii me desculpem meninas não deveria ter demorado tanto para postar
eu fiquei longe um tempo do fórum.. estudando
Mas vou postar agora, espero que gostem

Juh: que isso? precisa se desculpar não, todas nós as vezes ficamos atoladas e não dá pra passar em todas as fic's

Chiie: Aiiin fico muito feliz sabendo que você gostou, espero qeu continue gostando... e Sim! seu eu tiver leitoras divas como vocês sempre, vou postar as continuações Very Happy
avatar
JulieAlbano

Mensagens : 231
Pontos : 3037
Data de inscrição : 15/07/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A História Que L.J.Smith Não Contou

Mensagem por JulieAlbano em Seg Dez 12, 2011 8:35 am

Capítulo XXIII - Noivados

28 de outubro de 1863

O tempo passava e cada vez mais Stuart Johnson conseguia perfurar a barreira protetora que Lana Fell havia construído para ele em seu coração, ela não conseguia mais disfarçar por completo.

– Mandei reformarem a casa só para sua chegada. Disse ele

– Jura? Perguntou ela derretida. - Quer dizer, hum... o dinheiro é seu faça o que quiser. Disse Lana tentando esconder a empolgação.

Stuart apenas sorriu, pois percebia que já estava amolecendo a noiva:

– Você já foi melhor nisso. Disse ele\t\t

– Melhor em que? Perguntou Lana pronta para iniciar uma discussão

– Nada, nada não. Disse ele sorrindo e olhando diretamente nos olhos de Lana. Ela sentiu novamente a vontade inexplicável de voar nos lábios do rapaz, já não entendia mais seus sentimentos, uma hora queria esganá-lo, mas era só ele abrir um sorriso e tudo o que desejava no momento era fechá-lo e selá-lo com um beijo. Mas ainda sim conseguia se controlar.

– Lana, eu queria ter certeza de meus sentimentos antes de entregar para você, e agora eu tenho. Disse Stuart pegando a mão de Lana e tirando do bolso uma pequena caixa, era o anel de noivado que pertencia a sua família à anos.

– Espero que você queira se casar comigo tanto como eu quero me casar com você. Disse ele colocando o anel no dedo da noiva.

E por um pequeno momento ela não se controlou, voou no rapaz e o abraçou fortemente. Depois de alguns segundos ela recobrou a consciência, empurrou o rapaz que a abraçava também, arregalou os olhos e saiu da sala de estar de sua casa correndo. Tudo o que Stuart ouviu foi o barulho de uma porta bater, a moça tinha se trancado no quarto. E o rapaz confuso ficou ali com uma cara de bobo, suspirando e com mais um delicioso sorriso estampado na boca.

Já a amizade de Liandro e Patrizia havia evoluído bastante. Todas as tardes ele ia visitá-la. Lógico que as visitas eram supervisionadas por George, que enquanto o padrasto estava na prefeitura era o homem da casa e devia zelar pela honra da meia irmã, afinal depois do incidente com a família Gilbert ninguém confiava em deixar uma moça pura perto de um Salvatore.

O dia da partida dos Salvatore que estavam de passagem se aproximava e Liandro estava amando mesmo a senhorita Lockwood que na verdade deveria ser chamada de senhorita Salvatore, então ele resolveu ir até a prefeitura:

– Senhor Lockwood, eu acho que já sabe que nutro por sua filha sentimentos puros e tenho boas intenções. Liandro disse tentando persuadir o prefeito. – Eu vou retornar para a Itália em breve e gostaria muito de levar sua filha como minha esposa.

O prefeito pensou em hesitar e não ceder a mão da filha, pois ele era um Salvatore, e por isso mesmo lembrou do escândalo que acontecera alguns meses atrás com a filha de Jonathan, e ele sabia que a filha seria capaz de fugir, sabendo ele que Patrizia também sentia os mesmos sentimentos pelo rapaz.

– Seria de muito gosto, ela já está na idade de casar inclusive. Disse o Sr. Lockwood.

Liandro não agüentou de felicidade e foi correndo a pé da prefeitura até a casa de Patrizia, não ficava muito longe.

A moça estava no jardim cortando umas flores para colocar no seu quarto, Patrizia era muito exigente e não aceitava que as criadas fizessem esse trabalho por ela. Quando viu Liandro chegar correndo e atravessar o portão ficou um pouco confusa, mas feliz em ver o amado.

Liandro chegou até a moça e ela disse:

– O que foi querido, por que estava correndo.

– Meu amor, tenho ótimas notícias, eu conversei com seu pai...

– Sobre o que? Perguntou Patrizia curiosa.

– Sobre isso. Disse Liandro mostrando um anel de noivado à Patrizia.

– Meu amor! Disse ela abraçando Liandro e segurando o rosto do amado com suas mãos delicadas.

Liandro não resistiu e roubou um beijo apaixonado da noiva, que aceitou, mas logo em seguida ficou bem vermelha de vergonha, havia sido o primeiro beijo da moça.

avatar
JulieAlbano

Mensagens : 231
Pontos : 3037
Data de inscrição : 15/07/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A História Que L.J.Smith Não Contou

Mensagem por JulieAlbano em Seg Dez 12, 2011 8:36 am

Queria terminar esse capítulo com a tradução de um trecho da música Love Story de Taylor Swift:

Eu não sei o que pensar
Ele se ajoelhou no chão e puxou um anel...
E disse...
Case-se comigo Julieta, você nunca terá de ficar sozinha
Eu te amo, e isso é tudo o que eu realmente sei
Eu falei com seu pai, vá pegar o vestido branco
Essa é uma história de amor, querida, apenas diga sim
avatar
JulieAlbano

Mensagens : 231
Pontos : 3037
Data de inscrição : 15/07/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A História Que L.J.Smith Não Contou

Mensagem por JuhSalvatore em Dom Jan 01, 2012 3:23 pm

amooooooor
desculpa desculpa desculpa!
sério, eu achei q já tivesse comentado!
meudeus, eu sou uma retardada!
mas enfim, ta tudo tão perfeitooo!
nossa, amei demais mesmo!
desculpa por não ter comentado antes, ok?
bjoos
avatar
JuhSalvatore

Mensagens : 2809
Pontos : 7374
Data de inscrição : 23/07/2011
Idade : 22
Localização : Aqui com os Winchester

http://twitter.com/HunterOfTheSPN

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A História Que L.J.Smith Não Contou

Mensagem por JulieAlbano em Sab Jun 09, 2012 7:32 pm

tudo bem amore
acho q vc eh a unica qw ta acompanhando aqui Sad
vou postar um agorinha Very Happy
avatar
JulieAlbano

Mensagens : 231
Pontos : 3037
Data de inscrição : 15/07/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A História Que L.J.Smith Não Contou

Mensagem por JulieAlbano em Sab Jun 09, 2012 7:39 pm

Capítulo XXIV - Muros Desmoronando

03 de dezembro de 1863

Chegou o dia da partida dos parentes de Giuseppe, Stefan e Damon. Giuliana ficaria talvez nem voltasse mais para a Itália, pois ia se casar com o primo americano. Era noite e as bagagens estavam sendo colocadas nas diligências, voltariam mais pessoas do que chegaram, a senhorita Gilbert futura senhora Francesco Salvatore e a senhora Liandro Salvatore. O casamento de Patrizia foi realizado um mês depois do dia em que ficaram noivos, foi mais uma festa memorável para Mystic falls. Alguns amigos estavam lá para se despedir dos visitantes e das moças, inclusive Lana e seu noivo Stuart.

– Espero que você não se esqueça de mim e arrume uma nova melhor amiga italiana. Disse Lana

– Nunca. Disse Patrizia abraçando a amiga. – Prometa que vamos nos comunicar por cartas.

– Claro. Disse a senhorita Fell – E prometa que virá para o meu casamento.

– Virei lógico, não perco por nada, serei a madrinha assim como você foi a do meu. Mas espera ai, vocês já marcaram a data? Perguntou a mais nova senhora Salvatore.

– Daqui a cinco meses lá na Califórnia do Sul. Disse Stuart animado.

– Com certeza virei. Disse Patrizia

Enquanto todos se arrumavam alguém de ma fé observava entre a mata. Era um homem a mando de Jonathan para matar Francesco, o mal elemento já tinha o rapazote que desonrou Camille em sua mira e atirou, só que o descuidado senhor Johnson passou na frente da bala e foi atingido de raspão no ombro. O atirador fugiu e desacostumado com a dor Stuart caiu no chão e ficou inconsciente por alguns breves segundos.

– Stuart, meu amor, fale comigo, meu amor, acorda! Disse Lana se ajoelhando ao lado do noivo desesperada.

As mulheres se aglomeraram ao redor do senhor Johnson enquanto os homens em uma tentativa falha tentavam encontrar o atirador. Stuart começou a recobrar a consciência e Lana repetia:

– Meu amor, fale comigo!

– Eu acho que morri e estou no céu. Disse ele um pouco tonto.

– Por quê? Perguntou Lana ainda desesperada.

– Por que a mulher da minha vida me chamou de ‘MEU AMOR’. Disse Stuart se sentando no chão.

– Seu bobo, meu paspalho! Ainda ajoelhada disse Lana, destruindo completamente a barreira que construiu em seu coração e beijando Stuart.


Passada a confusão os Salvatore partiram com suas mais novas princesas, Camille e Patrizia.

avatar
JulieAlbano

Mensagens : 231
Pontos : 3037
Data de inscrição : 15/07/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A História Que L.J.Smith Não Contou

Mensagem por JulieAlbano em Sab Jun 09, 2012 7:40 pm

Vou terminar esse capítulo com um trecho da tradução de Halo de Beyoncé:

Lembra-se daquelas paredes que eu ergui?
Bem, baby, elas desmoronaram
E elas nem resistiram à queda,
E a queda nem sequer foi barulhenta

eu encontrei uma maneira de te deixar entrar
Mas eu nunca tive mesmo duvida
Quando em frente da luz da sua Aureola
Eu tenho o meu anjo agora.

É como se eu tivesse sido despertada,
Tantas regras eu tive que quebrar
É grande o risco que estou correndo
Eu nunca vou te deixar de lado...

Me atingiu como um raio de sol,
A queimar através da minha escura noite
você é o único que eu quero
acho que estou viciando na sua luz


COMENT???
avatar
JulieAlbano

Mensagens : 231
Pontos : 3037
Data de inscrição : 15/07/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A História Que L.J.Smith Não Contou

Mensagem por JuhSalvatore em Ter Jun 12, 2012 9:59 pm

séculos depois eu reparo no seu post.
ooo' amora, desculpa por ter demorado tanto pra comentar.
Amei o capítulo, viu?
nhac, vários casamentos. Se tem uma coisa que eu gosto em fanfics e livros são casamentos. *-*

enfim Julie, ta perfeito, como sempre né...
aguardando aqui por mais.
beijoos.
avatar
JuhSalvatore

Mensagens : 2809
Pontos : 7374
Data de inscrição : 23/07/2011
Idade : 22
Localização : Aqui com os Winchester

http://twitter.com/HunterOfTheSPN

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A História Que L.J.Smith Não Contou

Mensagem por sofiee.. em Sex Jun 22, 2012 9:14 pm

quero maais, muito boa essa fanfic, quero ler a continuação
avatar
sofiee..

Mensagens : 133
Pontos : 2628
Data de inscrição : 26/03/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A História Que L.J.Smith Não Contou

Mensagem por JulieAlbano em Qua Jan 30, 2013 6:12 pm

OOh que vergoinha, abandonei o fórum e a fic Embarassed
Poxaa desde 2011 mas vou tentar me redimir prometo
avatar
JulieAlbano

Mensagens : 231
Pontos : 3037
Data de inscrição : 15/07/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A História Que L.J.Smith Não Contou

Mensagem por Nanda em Qua Jan 30, 2013 6:21 pm

Verdade filha, que coisa feia... Não foi assim que eu te criei u.u
aoksoaksaoskaoskaos

_________________
Mutante e Orgulhoso...
avatar
Nanda
Admin

Mensagens : 1014
Pontos : 7013
Data de inscrição : 13/07/2011
Idade : 21
Localização : S.H.I.E.L.D

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A História Que L.J.Smith Não Contou

Mensagem por JulieAlbano em Qua Jan 30, 2013 6:27 pm

Nanda escreveu:Verdade filha, que coisa feia... Não foi assim que eu te criei u.u
aoksoaksaoskaoskaos
perdão, mãe sei que sou uma filha pródiga Sad
avatar
JulieAlbano

Mensagens : 231
Pontos : 3037
Data de inscrição : 15/07/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A História Que L.J.Smith Não Contou

Mensagem por JulieAlbano em Qua Fev 06, 2013 7:46 pm

Capítulo XXV - Cartas

06 de dezembro de 1863

Finalmente depois de meses Giuliana teria um tempo só para ela e Damon. Acordou, se arrumou, tomou café com os primos, almoçou e como fazia antes do pai e os irmãos estarem aqui iria às três da tarde para o campo de flores amarelas, o refúgio deles, era quarta-feira, Giuliana sabia que Damon ia estar lá.

Terminou de escrever em seu diário e desceu com a cesta de guloseimas de sempre. Quando estava prestes a passar pela porta foi surpreendida por Carmela:

– Aonde a senhorita vai? Perguntou a ama.

– Eu ia tomar um pouco de ar. Justificou Giuliana assustada por ter sido pega com a boca na botija.

– Com toda essa comida? Perguntou novamente Carmela desconfiada.

– Eu ia lanchar no jardim. Disse a moça dando um sorriso amarelo.

– Está bem, eu estava te procurando, chegou uma carta hoje cedo para a senhorita, aqui está. Disse a criada entregando o envelope.

– Vou pro meu quarto saber do que se trata, com licença.

Chegando lá, curiosa rasgou o envelope, pegou a carta e começou a ler:

Miss Giuliana Salvatore,
Senti muito sua falta nesse ano que se passou, falta das nossas pequenas fugas do internato, falta das nossas conversas, de falar sobre nossas famílias, nossos sentimentos, ou seja, de nossas confidências e de nossos amores. Por falar nisso a senhorita ainda gosta do seu primo o senhor Damon Salvatore?
Voltei para casa como era previsto, as únicas companhias que tenho são as de meus pais o senhor e a senhora Pierce, eu ando muito solitária, por isso conversei com eles e pedi para que a senhorita pudesse vir passar uns dias aqui comigo em Atlanta na propriedade da família, claro se não for incômodo. Assim poderemos passar um tempo juntas e matar a saudade.
P.S.: “Espero que a senhorita tenha sentido minha falta, do mesmo modo que sentir a sua”
Atenciosamente sua amiga do internato,
Miss Katherine Pierce


Giuliana começou a escrever uma carta de resposta:

Miss Katherine Pierce,
Sua pergunta sobre o senhor Salvatore me fez ruborizar, eu adoraria passar uns dias com a senhorita, mas não acho prudente e nem meu tio concordaria em passar uns dias numa casa onde meus responsáveis não conhecem os proprietários.
Sinto muito, mas não posso ir, pois...


Giuliana se lembrou de Damon, abandonou a carta que escrevia e foi correndo para o encontro dele.

Chegando lá Giuliana viu Damon recostado na árvore com a toalha no chão esperando por ela, aquilo era o paraíso para seu coração, só ela e ele juntos sem ninguém para incomodar, sem Carmela, Stefan, Giuseppe. Só eles e a natureza em cumplicidade. Ela se aproximou e sentou-se ao lado dele na toalha.

– Pensei que não ia vir. Disse Damon sorrindo para ela

– Quase fui pega por Carmela hoje, tive que despistá-la. Disse a moça retribuindo o sorriso.

Um sentia algo pelo outro, era inegável. Eles se sentiam completos juntos, mas algo os impediam de se declarar, talvez fosse Stefan, ou talvez eles não estivessem prontos para dizer em voz alta o que se passava em seus corações.

Conversa vai conversa vem Damon resolve tocar num assunto delicado:

– Por que você vai se casar com o Stefan? Eu não entendo.

– Para não ir embora daqui, eu gosto muito da América, e para não ficar longe de você. Disse a moça timidamente corando suas bochechas.

– Isso é ilógico, ele não é o homem certo para você! Disse ele com a mesma desculpa de sempre. - Ele não vai ser capaz de te fazer feliz!

– Então quem é o homem certo pra mim, quem é capaz de me fazer feliz? Perguntou Giuliana criando esperança que ele fosse se declarar.

– Não sei, só sei que não é ele. Disse Damon destruindo as esperanças da prima. – Você não o ama e é boa demais para ele! Só não se case.


Lágrimas começaram a cair dos olhos de Giuliana, ela chorava.

– O que foi, o que eu falei? Perguntou Damon preocupado. E entre lágrimas ela responde.

– Você não falou nada, esse é o problema. Disse ela se levantando. E se levantando também Damon pergunta:

– O que eu fiz para te magoar?

– Para de fingir! Fala Giuliana alterando o tom de sua voz e derramando mais lágrimas.

– Parar de fingir o que? Perguntou Damon surpreso

– Para de fingir que não sabe o porquê das minhas lágrimas, para de fingir que o que aconteceu naquela floresta não significou nada para você, para de fingir que não sente algo a mais por mim, para de se enganar, e para de fingir que não quer que eu me case com o seu irmão porque ele não é bom o suficiente para mim. Pois eu cansei de fingir, não agüento mais fingir que não estou apaixonada por você. Pare de fingir que não sente o mesmo! Disse Giuliana. Damon ficou paralisado não estava preparado para isso.

Em seguida a moça correu de volta para casa chorando, abandonando o rapaz mais uma vez com a mente confusa. Damon não se mexia, nem sequer piscava estava completamente aéreo.

Depois de quase meia-hora paralisado ele finalmente disse alguma coisa atrasado, pois a moça já estava há muito tempo em casa:

– Eu te amo.

Stefan encontrou a prima, que chorava de cabeça baixa, escondida na sala de estar da mansão Salvatore:

– O que aconteceu prima, por que esta chorando?

Ela levantou a cabeça e olhou com os olhos cheios de lagrimas nos olhos de Stefan:

– Stefan, eu não posso me casar com você. Disse ela entre soluços

– Por quê? O que aconteceu? Disse ele preocupado

– Eu amo outro. Disse Giuliana tirando o anel de noivado e entregando a Stefan

– É o Damon, não é?! É ele quem você ama?! Stefan perguntou retoricamente.

Giuliana não disse nada, apenas abaixou sua cabeça novamente e foi correndo para seu quarto. Stefan poderia ser novo, mas já era sábio o suficiente para entender que não poderia tomar posse de um coração que já tem dono.

Giuliana se trancou nos seus aposentos e ao ver a carta que não tinha acabado de escrever foi na direção, amassou o papel, enxugou suas lágrimas e começou a redigir uma nova resposta:


Miss Katherine Pierce,
A senhorita caiu do céu, com certeza vou me juntar a vocês dentro de alguns dias, não agüento ficar nem um dia sequer nesta casa. Não se preocupe convencerei meu tio e meu pai a deixar-me visitá-la. Em breve chego a Atlanta.
Espero encontrá-la em breve,
Miss Giuliana Salvatore

avatar
JulieAlbano

Mensagens : 231
Pontos : 3037
Data de inscrição : 15/07/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A História Que L.J.Smith Não Contou

Mensagem por JuhSalvatore em Ter Fev 19, 2013 2:46 pm

Sorry pela demora, minha amora!
Mas eu prometi que não te abandonaria, e cá estou eu, coração partido pela minha quase gêmea de nome.
Cara, sinto pena dela, por que é lógico que todo mundo ame o Damon, sabe, então entendo sua dor.
E o Damon tem que parar de ser lerdão e se declarar logo, por favor!

Amei demais, Julie, e to pronta pra próxima!
Quando tem mais?
beijoos
avatar
JuhSalvatore

Mensagens : 2809
Pontos : 7374
Data de inscrição : 23/07/2011
Idade : 22
Localização : Aqui com os Winchester

http://twitter.com/HunterOfTheSPN

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A História Que L.J.Smith Não Contou

Mensagem por Sabrina Borges Salvatore em Sex Mar 22, 2013 12:36 am

quando vai ter mais Question
to ansiosa bounce pra proxima

Sabrina Borges Salvatore

Mensagens : 30
Pontos : 2073
Data de inscrição : 20/03/2013
Idade : 19
Localização : Mystic Fall,Virginia

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A História Que L.J.Smith Não Contou

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 5 de 5 Anterior  1, 2, 3, 4, 5

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum