Fanfics
Seja bem vindo(a) ao Fórum Fanfiction.
Aqui você pode ler, escrever, comentar, jogar, fazer amigos e muito mais!
Então... o que está esperando? Se cadastre e comece a diversão! Very Happy

Love? ~ Dedicado à Lys

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Love? ~ Dedicado à Lys

Mensagem por JuhSalvatore em Qui Abr 19, 2012 5:04 pm

E lá estava ele, Chase Sword, diante dela. Não dava para acreditar, ela ainda não conseguia fazê-lo. Era... surreal demais. Afinal, ela até podia dizer que não é todo dia que se encontra alguém perfeito como o senhor Sword cara a cara com você, mas seria uma mentira deslavada, pelo menos no seu caso. E ela ainda tinha o privilégio de dizer que ele era uma das coisas mais importantes que ela tinha na vida, uma das melhores coisas que já haviam lhe acontecido.
Em sua doce juventude, com a pele lisa e os cabelos sedosos e brilhantes, Elizabeth ficava pasma toda a vez que adentrava o luxuoso apartamento do melhor amigo. Aquele lugar era sua segunda casa, a fazia extremamente bem, e a impressionava o fato de o mesmo ser tão perfeito quanto o dono. E ah, ele era.
Haviam alguns anos, dois ou três, que a garota topara com Chase por um shopping downtown, eles começaram a conversar e daí em diante sua amizade cresceu mais e mais, até o ponto de tornarem-se inseparáveis.
Chase tinha os olhos azuis céu, o cabeço espetado de um negro profundo, a pele morena, o físico perfeito... ele era quase um deus grego, seus músculos perfeitamente delineados abaixo da camisa preta apertada, cujos primeiros três botões estavam abertos, deixando a mostra o início do peitoral que podia desvirtuar e produzir desejos carnais até em um grupo de freiras idosas... Ele era assim, provocava os instintos mais primitivos em qualquer mulher (e, nos dias de hoje, em quase metade dos homens) com quem cruzava... inclusive Lys.
Não que ela fosse admitir isso algum dia, não é...
E ele estava agora conduzindo-a apartamento a dentro, levando-a até o sofá, como um perfeito cavalheiro fazia... ela já havia se acostumado com esse lado dele, quase tanto quanto com o lado protetor, ciumento e possessivo, do qual tanto zombava.
- Fique sentada aí, eu vou tomar banho.
- Você não tomou banho ainda, seu leso? - Perguntou ela, tentando não gaguejar. Essa era uma reação completamente compreensível, considerando-se ser aquela a primeira vez que ela ouvia aquela voz rouca e sexy em duas semanas. Não era algo com que você se acostumasse algum dia.
Ele deu uma risada, ainda sensual. Será que tudo o que ele fazia era sensual?
- Fique aí quietinha, não reclame. Você é que gosta de chegar cedo. Marcamos às 20:00, não marcamos?
- São 20:15. - ela já estava recuperando-se do choque inicial.
- Ainda assim é cedo. Esperava você aqui só às 21:00, afinal, você é mulher, devia demorar horas e horas para arrumar-se.
- Há há, engraçadinho. De onde você tirou seu repertório de piadas, do funeral de um mendigo?
Ele riu e saiu, em direção à sua enorme suíte. Lys jogou-se no sofá de maneira como ela só fazia quando ele não estava por perto e ligou a TV. Estava passando um clipe do Michael Jackson, e ela começou a cantar junto com a música, de maneira desajeitada e um pouco desafinada.
- Sabia que você fica irresistível cantando assim, jogada no meu sofá? - disse ele, rindo e jogando-se em cima dela.
- AH, SEU IDIOTA! O QUE VOCÊ ESTÁ FAZENDO AQUI? NÃO IA TOMAR BANHO? - ela gritou, sentindo seu rosto queimar. - VOCÊ TÁ ME MACHUCANDO, SEU MALUCO!
Sem saber como, em questão de segundos, um havia empurrado o outro, e ambos encontravam-se no chão, ela jogada por sobre o peito dele, ambos rindo descontroladamente.
-Vai tomar banho, manézão. - disse ela, assim que os risos passaram.
Ele deu mais uma risada enquanto dirigia-se novamente à suíte. Lys levantou-se, passou a mão rapidamente pelo cabelo, ajeitou sua blusa que havia sido um pouco erguida e sentou-se no sofá, de maneira educada. Em cinco minutos, estava novamente jogada no estofamento branco, da maneira como esteve antes.
Seu riso havia sido tanto que lágrimas escorreram de seu olho. Por isso, ela decidiu que era uma boa dar uma passada em um dos banheiros para ajeitar a maquiagem. Não queria ter de fazê-lo esperar caso optassem por sair para alguma lanchonete como sempre faziam.
Depois de refletir por alguns instantes, decidiu usar o banheiro do corredor. Levantou-se e dirigiu-se ao mesmo, atravessando a enorme peça onde se encontravam a sala de estar e a cozinha.
Abriu a porta e entrou, enquanto olhava para seu estojo de maquiagens, procurando pelo delineador. Antes que pudesse encontrá-lo, uma mão pôs-se em seu ombro.
- Ah meu Deus, Chase! - disse ela. O susto pelo toque do rapaz havia sido tão grande que a mesma chocara-se contra seu peito desnudo, ainda úmido graças ao banho. - Desculpa! Eu achei que estivesse tomando banho no banheiro da suíte. - Ela sentiu novamente o ardor nas bochechas.
Seus olhos começaram a percorrer o amigo. Passaram por seus cabelos que, agora molhados, caiam por sobre o rosto. Ela achava que ele ficava melhor assim. Seus ombros largos, disputando a presença com seus braços fortes e definidos, mais ou menos da grossura da perna dela. O peito definido, ainda com gotículas de água, a barriga de tanquinho...
Então, ela percebeu que ele estava completamente nu. Fechou os olhos, brigando com seus instintos, que queriam continuar avaliando o rapaz.
- Pode olhar agora, se já não olhou tudo antes. - disse ele, rindo logo após.
Lys olhou por entre os dedos e encontrou o rapaz avaliando-a, uma toalha enrolada em sua cintura.
- Você fica tão engraçada quando está com vergonha! - disse ele, fazendo-a tirar a mão do rosto.
- Cala a boca, Chase. - ela respondeu, antes de sair do banheiro.
Sentada no mesmo sofá de antes, com a cabeça afundada em suas mãos, ela não conseguia entender o que havia acontecido. Havia surgido um impulso de abraçá-lo, uma sensação estranha que jamais havia sentido antes... ela o queria. Naquele momento, ela o quis. Isso não era cero, ou era? Ele era apenas seu amigo, nada mais do que isso... ele era, não era?
Lys tratou de espantar essa dúvida de sua mente. Era claro que ele era apenas seu amigo, seu melhor amigo.
- Posso me sentar? - perguntou Chase, assustando-a.
Ela afirmou com a cabeça.
- Olha Chase, desculpa mesmo, é só que... eu não sei te explicar. Eu só achei que estivesse usando o outro banheiro e...
- Tudo bem, eu entendi. Esquece. O outro banheiro está com o chuveiro queimado, eu devia ter te avisado. - ele disse. Olhou-a mais atentamente, e percebeu então seu embaraço. - Hey, Lizzie, qual é! Esquece isso, ok? Nós somos amigos.
- Mas eu vi o seu... - ela não conseguiria acabar a frase, nem se quisesse.
Ele era grande. Arrependeu-se na mesma hora por ter deixado-se assimilar essa informação.
- Tudo bem, você não foi a primeira.
Ela o olhou séria... mas os dois começaram a rir segundos depois.
- Seu galinha, idiota, metido...
- Ok, pode parar com os elogios, Elizabeth. Que tal se, ao invés de sairmos, escolhêssemos um filme e pedíssemos uma pizza?
Ela ainda se sentia um pouco desconfortável e confusa.
- Você não vai querer sair? Normalmente nós saímos e vamos "à caça" nas sextas a noite, não?
"À caça" era o código deles para "encontrar companhia para a sexta a noite". Ele encontrava companhia. Ela acabava voltando para a casa e telefonando para ele no outro dia, para que ele lhe contasse sobre "a nova garota russa com sotaque estranho com quem ele passou a noite". Ela enraivecia-se só de pensar nisso.
- Na verdade, eu vou à caça e você fica lá sem fazer nada. Sou um péssimo melhor amigo.
- Eu não me importo, sério. - não foi exatamente uma verdade.
- Mas eu sim. - ele disse, e um sorriso brincou em seus lábios cheios. - Hoje ficamos em casa, se você não se importar. Se for legal, podemos ficar sempre aqui, ao invés de sairmos. Ou então você escolhe... pode ser?
Ela assentiu com a cabeça. Chase levantou-se e dirigiu-se ao telefone, e ela não pode deixar de reparar nas costas largas do rapaz.
- Pare com isso, Elizabeth. Deixe de ser tarada, ele é seu melhor amigo. - ela sussurrou, para si.
- Falou alguma coisa? - Chase pediu.
- Não Chay, nada. Pode continuar pedindo as pizzas.
Após escolherem "Antes que Termine o Dia" para assistirem - o primeiro romance que eles assistiriam juntos - e as pizzas chegarem, ambos sentaram-se nas almofadas brancas do sofá.
- Onde está o outro sofá, Chase? Tinha quase certeza, depois de todas as vezes que eu vim aqui te visitar, que haviam dois sofás nessa sala.
- E haviam, mas eu derrubei vinho quando estava aqui com a russa, sabe...
Ela apenas concordou. Não queria o assunto "russa" de novo.
O rapaz deu play e Lys logo estava chorando.
- Você é uma chorona.
- Eu sei. - ela respondeu, e encolheu-se no peito dele, como normalmente faziam assistindo filmes.
De repente, Chase parou o mesmo.
- Quer saber? - ele parecia um pouco irritado. - Cansei disso. Lys, olha pra mim.
A garota assustou-se e o olhou prontamente.
- Faz muito tempo que eu estou confuso sobre nós.
- Como assim, Chay?
- Como assim? Elizabeth, nós dizemos que somos melhores amigos para todo mundo, até para nós mesmos, mas não agimos como melhores amigos! Agora mesmo, estamos assistindo a um romance abraçados. Você acha isso normal? - ele estava cada vez mais... frustrado? - Eu JAMAIS assisti a um romance com uma garota, muito menos abraçado! É só com você! Saímos juntos todas as sextas-feiras fazem dois anos, nos falamos todos os dias, nos contamos tudo...
- O que? - ela não estava realmente entendendo. Foi tudo tão inesperado que ela ficou mais confusa do que o normal.
- Eu só estou querendo dizer que, depois de duas semanas sem te ver, sem falar com você, eu só conseguia ficar pensando na sua voz, em como eu queria te ter em meus braços... E agora a pouco, quando eu falei que você ficava irresistível jogada no meu sofá... eu não estava brincando, Elizabeth. Quando você entrou no banheiro, eu não me importei... foi normal demais, pareceu até certo... o que eu estou querendo dizer é que já faz algum tempo que eu acho que te amo.
- Como é que é? - Agora ela parecia estar delirando.
- Isso mesmo, Elizabeth. Eu acho que te amo. E se te conheço bem, você também deve sentir algo por mim... Escuta: eu amo cada momento em que estamos juntos, amo cada toque, por menor que seja... mudo de garota toda a semana, e nenhuma me faz tão feliz como você me faz! Caramba, Lys, eu acho que te amo. Nunca me senti assim por mais ninguém! - ele fez uma pausa, pegou nas mãos dela e a olhou profundamente. - Mas eu só vou ter certeza mesmo se você me der a chance de provar-me. Sabe... não é fácil para alguém como eu sentir-se amando alguém, querer se ver preso a alguém para o resto da vida. Preciso que você tenha paciência e me deixe amá-la.
- Chase, eu não sei o que dizer... Agora eu vejo. Posso estar sendo precipitada, posso estar pondo tudo a perder... mas agora eu sei. Sei que nunca foi só amizade, sempre houve algo mais. O jeito com que você me faz corar, o jeito com que você me faz sorrir apenas estando por perto... - ela já estava chorando. Como não havia percebido tudo antes? - Eu acho que... de alguma forma estranha... eu amo você.
O olhar do rapaz iluminou-se.
- Repete.
- O que?
- O que você disse agora.
- Eu amo você. Eu. Amo. Você. - Agora parecia tão óbvio que ela não acreditou ter passado tanto tempo sem perceber. Toda a confusão, todas as vezes que ela privou-se de pensamentos sobre ele, todas as vezes que ela o admirou em segredo... tudo passara a fazer sentido. - Eu amo você. - ela repetiu novamente.
- Agora sim, tudo está no lugar onde devia estar. - ele disse, e então os lábios dos dois uniram-se.
O beijo mais doce de suas vidas.

~~ Três meses depois ~~

Ela virou-se na cama, o sol despertando-a do seu maravilhoso sono. Aconchegou-se melhor no peito de Chase e ficou esperando, até que, aos poucos, sua respiração fosse acelerando-se. Logo isso aconteceu, e ele foi, lenta e preguiçosamente, acordando.
- Bom dia, amor. - ela disse, e deu-lhe um beijo leve.
- Com você aqui? Maravilhoso. Bom dia para você também, princesa.
Ela ficou olhando nos olhos do rapaz por algum tempo, esperando que ele despertasse de vez. Chase parecia tão adormecido ainda...
De repente, o rapaz a fez girar e rapidamente pôs-se por cima dela.
- Chay! Eu achei que você estivesse "meio dormindo" ainda.
- Acordando com uma perfeição dessas ao meu lado? Sabendo que agora eu tenho, definitivamente, essa perfeição todinha pra mim? De jeito nenhum. - ele beijou o pescoço da garota, fazendo-a arrepiar. O corpo quente e desnudo contra o dela causava uma sensação... inebriante.
- Você sempre me teve, mesmo antes que soubéssemos.
- Espera, deixa eu ver se entendi: quanto tempo eu perdi? Quantas vezes antes nós podíamos ter... feito o que fizemos?
- Deixa de ser idiota, Chay!
- Está bem, está bem! Irritadinha. - ele jogou-se para o lado e ficou olhando para a garota nua em sua cama, enquanto acariciava os cabelos dela, que agora estava com a cabeça novamente deitada em seu peito.
- Sabe, Chay... de alguma maneira parece que era aqui que eu devia estar, todo esse tempo. Ao seu lado, aqui, agora... era nosso destino. Não sei como vai ser daqui a algum tempo... mas com certeza, por mais que talvez não dê certo... jamais me arrependerei de tudo o que vivemos juntos.
-E eu prometo esforçar-me para que dê tudo certo pro resto das nossas vidas.
Eles ficaram em silêncio por um tempo.
- Quer café da manhã? Eu estou com fome. - disse ela, levantando-se com um salto e indo parar sentada em cima do rapaz.
- E você pretende me tirar da cama assim, sentada em cima de mim? Péssima ideia.
- Chay! - disse ela, rindo.
- Ah, ok então. Mas só por que te amo.

~~ FIM ~~

Essa Short é em homenagem à minha linda e talentosa gêmola Lys, que é tão fofa ao ponto de quase me matar de "crises fofurais" constantemente.
Parabéns atrasado, amora da minha vida. Serei sempre grata à tudo o que você me proporciona.
Agradeço por ter me comprovado que amizades verdadeiras, quase laços de sangue, podem ser criados a cada dia, mesmo que a distância separe a nós.
Te desejo tudo de melhor nessa vida, tudo o que você sempre quis, amor, alegria, paz, saúde, felicidade, carinho, harmonia,... enfim, tudo o que você quiser, 365 dias por ano - menos os anos bissextos, aí são 366.
Beijos, minha gêmola linda e sumida.
Não vivo mais sem tu, moleka!
Amucê <3'
avatar
JuhSalvatore

Mensagens : 2809
Pontos : 7092
Data de inscrição : 23/07/2011
Idade : 22
Localização : Aqui com os Winchester

http://twitter.com/HunterOfTheSPN

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Love? ~ Dedicado à Lys

Mensagem por Lys em Qui Abr 26, 2012 7:48 pm

JUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUH!
Cara, eu chorei aqui de emoção, essa one foi muito linda *-----------*
Aaaah, eu queria tanto um Chase pra mim #sonha
sério, Juh, você é a gêmola mais fofa do mundo
vc n faz idéia do quando eu precisava ler uma história assim
Não tenho palavras pra descrever o quanto gostei
ficou tão linda que até salvei no PC
Juh, eu te amo muito mesmo sério, obrigada mesmo
O presente que vc me deu vai ficar pra sempre na minha vida *---*
Te amoo, gêmola
e mais uma vez obrigada *-*
avatar
Lys

Mensagens : 3484
Pontos : 8780
Data de inscrição : 13/07/2011
Idade : 23
Localização : In Wonderland

http://www.youtube.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Love? ~ Dedicado à Lys

Mensagem por sofiee.. em Dom Abr 29, 2012 11:54 am

adorei mesmo
avatar
sofiee..

Mensagens : 133
Pontos : 2346
Data de inscrição : 26/03/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Love? ~ Dedicado à Lys

Mensagem por JuhSalvatore em Dom Abr 29, 2012 4:59 pm

Lys escreveu:JUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUH!
Cara, eu chorei aqui de emoção, essa one foi muito linda *-----------*
Aaaah, eu queria tanto um Chase pra mim #sonha
sério, Juh, você é a gêmola mais fofa do mundo
vc n faz idéia do quando eu precisava ler uma história assim
Não tenho palavras pra descrever o quanto gostei
ficou tão linda que até salvei no PC
Juh, eu te amo muito mesmo sério, obrigada mesmo
O presente que vc me deu vai ficar pra sempre na minha vida *---*
Te amoo, gêmola
e mais uma vez obrigada *-*
ahhh, sua linda. me fez chorar, malvada!
que coment lindo *-*
tbm queria, pra falar a verdade. kk'
olha, eu acho que você é a gêmola mais fofa do universo, então já viu né!
nossa, to toda boba aqui, babando na frente do net!
o nível de adoração que eu senti por esse coment é indescritível.
te amo mtmtmtmtmtmt mais.
imaginaaa, não precisa agradecer. eu que agradeço por tudo o que faz na minha vida, todos os dias.
amucê mais, amor. obrigada por tudo.
avatar
JuhSalvatore

Mensagens : 2809
Pontos : 7092
Data de inscrição : 23/07/2011
Idade : 22
Localização : Aqui com os Winchester

http://twitter.com/HunterOfTheSPN

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Love? ~ Dedicado à Lys

Mensagem por JuhSalvatore em Dom Abr 29, 2012 5:02 pm

sofiee.. escreveu:adorei mesmo
que bom que gostou, sofiee! fico feliz em saber *-*
avatar
JuhSalvatore

Mensagens : 2809
Pontos : 7092
Data de inscrição : 23/07/2011
Idade : 22
Localização : Aqui com os Winchester

http://twitter.com/HunterOfTheSPN

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Love? ~ Dedicado à Lys

Mensagem por Miley C. P. Delacour em Qui Jun 07, 2012 3:25 pm

Awn tia Juh, eu achei perfeita.
Melhor Short que já li...
avatar
Miley C. P. Delacour

Mensagens : 73
Pontos : 2220
Data de inscrição : 23/05/2012
Idade : 20
Localização : Rosewood

http://mileydelacour.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Love? ~ Dedicado à Lys

Mensagem por JuhSalvatore em Qui Jun 07, 2012 3:44 pm

awnnnnty, sério? nossa, que honra Bia!
fico mto feliz mesmo, viu?
beijoos sobrinha linda.
obrigada por ter vindo ler.
avatar
JuhSalvatore

Mensagens : 2809
Pontos : 7092
Data de inscrição : 23/07/2011
Idade : 22
Localização : Aqui com os Winchester

http://twitter.com/HunterOfTheSPN

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Love? ~ Dedicado à Lys

Mensagem por MissRomance em Sab Jun 09, 2012 11:19 am

Juh, MEUS PARABÉNS!!!!! *___*
Amei amei amei amei esse short, é pena ser isso, um short T.T
Em quase todas as minhas reviews de histórias coloco minha frase ou excertos favoritos então ai vai:

Lys olhou por entre os dedos e encontrou o rapaz avaliando-a, uma toalha enrolada em sua cintura.
- Você fica tão engraçada quando está com vergonha! - disse ele, fazendo-a tirar a mão do rosto.
(uhuhuh Twisted Evil )

Owwwwwwwwwwwwwww adorei! Parabéns artista *_*
avatar
MissRomance

Mensagens : 228
Pontos : 2588
Data de inscrição : 06/06/2012
Idade : 23
Localização : In the world

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Love? ~ Dedicado à Lys

Mensagem por JuhSalvatore em Sab Jun 09, 2012 8:43 pm

MissRomance escreveu:Juh, MEUS PARABÉNS!!!!! *___*
Amei amei amei amei esse short, é pena ser isso, um short T.T
Em quase todas as minhas reviews de histórias coloco minha frase ou excertos favoritos então ai vai:

Lys olhou por entre os dedos e encontrou o rapaz avaliando-a, uma toalha enrolada em sua cintura.
- Você fica tão engraçada quando está com vergonha! - disse ele, fazendo-a tirar a mão do rosto.
(uhuhuh Twisted Evil )

Owwwwwwwwwwwwwww adorei! Parabéns artista *_*
awnnty, valeu amr!
sério, fico muito feliz por ter gostado
quem sabe um dia eu não poste uma continuação... posso pensar na ideia
fico mto feliz meeeesmo por ter gostado, de verdade.

muito obrigada por ter vindo ler, viu?
Beijoos
avatar
JuhSalvatore

Mensagens : 2809
Pontos : 7092
Data de inscrição : 23/07/2011
Idade : 22
Localização : Aqui com os Winchester

http://twitter.com/HunterOfTheSPN

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Love? ~ Dedicado à Lys

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum